Taíba-São Gonçalo do Amarante-Ce, 15 de dezembro de 2022.

O quarto dia do MARESIA CBSurf Pro Taíba, 6ª e última etapa do Circuito Brasileiro de Surf Profissional da 1ª Divisão, marcou um dos principais momentos para os atletas, já que quem deu adeus ao evento até aqui não viu a cor do dinheiro da premiação. Já os que conseguiram se manter vivos na competição puderam dormir um pouco mais tranquilos com a certeza de que voltarão pra casa com um reforço na conta bancária, pois, do Round 5 em diante mesmo perdendo todos os atletas perceberão um valor em dinheiro e naturalmente, quem for mais longe fatura as fatias mais gordas da premiação.

ROUND 3

O dia começou com o restante das baterias do Round 3, doze no total, caindo na água. E logo na primeira bateria aconteceu a maior baixa dessa fase com a derrota do líder do ranking, Samuel Igo. O paraibano, que chegou na última etapa no topo do ranking, pegou uma bateria duríssima e não conseguiu imprimir o ritmo necessário para conseguir extrair o melhor de seu surf para superar Michael Rodrigues-SC e o cearense Campeão Brasileiro CBSurf Pro em 2019, que avançaram em primeiro e segundo, respectivamente. Com o resultado Samuel sai da briga pelo título e abre espaço para os atletas que estavam atrás na corrida pelo título.

Na sequência foi a vez do paraibano José Francisco, o Fininho, dar um show de surf com aéreos e manobras de muita pressão para vencer a bateria de número 14 avançando na primeira colocação.

Quem também se destacou nessa fase foi o local da Taíba, Michel Roque-CE. Especialista em aéreos, ele abusou da técnica e do conhecimento local do pico para ser mais um a vencer sua bateria e carimbar o passaporte pro round seguinte.

Mesmo com excelentes performances, afinal de contas, estamos falando dos melhores surfistas em atuação no Brasil, ninguém conseguiu superar o Mr. Taíba, Messias Félix. Estreando na competição, o Bicampeão Brasileiro Profissional mostrou estar em grande forma para cravar um 8,17 e ainda computar o maior somatório do dia de hoje no Round 3 (14,84) para seguir firme no seu objetivo da conquista do Tricampeonato Brasileiro de Surf Profissional.

Outra importante baixa nesse round foi a eliminação do baiano Yagê Araújo, que chegou à última etapa na quarta colocação do ranking e acabou se despedindo cedo, deixando o caminho aberto para os que estão abaixo dele na corrida pelo título do circuito.

ROUND 4

O Round 4 é aquele mais tenso para os atletas que conseguiram chegar até aqui. E não é pra menos, pois, podemos dizer que quem perde nessa fase nada, nada, nada e literalmente “morre na praia”, já que é a última fase sem premiação em dinheiro. Isto é, aqueles que chegam ao Round 5 já começam a ter direito a uma fatia da premiação. Mas, quem perde antes volta pra casa de mãos abanando, um verdadeiro terror para qualquer surfista profissional.

O primeiro a carimbar o passaporte para o Round Money Turn (retorno da grana) foi Marcos Correa-SP. Na briga direta pelo título, já que chegou para a última etapa no terceiro lugar do ranking, o paulista encarou mais uma disputa duríssima para avançar na primeira colocação trazendo com ele Mateus Sena, outro grande destaque do evento, despachando nada menos que o Top WCT 2018 Tomas Hermes-SC.

E aos poucos as vagas mais cobiçadas dos rounds iniciais foram sendo preenchidas. Destaque para Ian Gouveia-SC, Elivelton Santos-PB, Daniel Templar-RJ, Israel Júnior-RN e Diego Mendes-CE, que venceram suas baterias e se credenciaram para o grupo dos 24 melhores atletas da competição, que daqui pra frente irão dividir a gorda premiação de R$ 140 mil, destinada aos homens, com R$ 30 mil apenas para o vencedor da etapa.

LOCAIS DÃO SHOW

Hoje, foi o dia do show dos surfistas locais. Diego Mendes abusou de seus rápidos aéreos mostrando muita intimidade com a onda para vencer sua bateria e fazer a alegria da torcida local. Destaque também para a performance de Messias Félix, que foi mais um que fez a festa da torcida local, estreando na competição avançando as duas baterias que disputou no dia, com direito a high score em alguns dos melhores aéreos do dia.

Mas, quem melhor capitalizou seu conhecimento local foi Michel Roque, computando o maior somatório do Round 5 (16,67), somando nada menos que um 8,0 e um 8,67 para figurar no segundo maior somatório dos quatro dias de competição. E como resultado disso, mais festa para a torcida!

É SÓ VITÓRIA

Outro surfista que merece todo o destaque é o cearense radicado em Santa Catarina, Michael Rodrigues. Michael vem desde o Round 1, fase de 192 atletas, e até agora não sabe o que é perder na competição, já que avançou na primeira colocação todas as baterias que disputou. O Top CT está On Fire e segundo ele próprio, veio para a Taíba em busca do título da etapa e do Circuito. Podemos dizer que ele tem feito um ótimo trabalho!

TROPEÇOS NA RETA FINAL

As principais baixas nesse round foram dos atletas Krystian Kymerson-ES e Alan Jhones-RN. Kymerson estava na segunda colocação do ranking e Alan Jhones na quinta. Com isso, dos Top 5 do ranking que chegaram à última etapa, apenas dois continuam no páreo, Marcos Correa, que até a quinta etapa era o terceiro do ranking, e Michael Rodrigues, que era o quinto. Sem falar em Messias Félix, que está logo atrás de Michael no ranking. Com isso a disputa pelo título de Campeão Brasileiro de Surf Profissional da 1ª Divisão está totalmente aberta e como pudemos ver, vários atletas têm plenas condições de conquistar o título, o que significa que teremos fortes emoções para os últimos dois dias da competição.

DHL EXPRESSION SESSION

No meio do dia as baterias foram interrompidas para a realização do DHL Expression Session, que ofereceu R$ 10 mil divididos entre homens e mulheres. Apesar da Expression Session buscar premiar a melhor e mais radical manobra realizada, o que acabamos assistindo foi a um espetacular Air Show, com destaque, no masculino para o Índio Voador Elivelton Santos-PB, Nayson Costa-PA e Luan Ferreira-PE. Contudo, ninguém conseguiu superar o Alley-Oop espetacular para abocanhar os R$ 5 mil reais da premiação.

Entre as mulheres a exibição foi uma das mais impressionantes disputas da modalidade com destaque para Júlia Santos-SP, Nalanda Carvalho-PB e Ariane Gomes-CE, com a cearense faturando a disputa com um aéreo 360º, virando em cima da paraibana que também mandou um excelente aéreo. Com o resultado Ariane faturou R$ 5 mil, iniciando os trabalhos com o pé direito.

MULHERES AO MAR

O quarto dia de competição marcou também a estreia das mulheres. Destaque para Potira Castaman-BA que travou um duro duelo com a campeã Brasileira Yanca Costa-RJ, com ambas avançando para o Round 2.

Outra surfista que se destacou no dia de hoje foi Ariane Gomes, que já havia vencido a Expression Session, e venceu sua bateria de estreia, avançando na competição e trazendo com ela Kemily Sampaio-SP, que também se classificou para o Round 2.

PREMIAÇÃO

A premiação do MARESIA CBSurf Pro Taíba 2022 será de R$ 280.000,00 (duzentos e oitenta mil reais) distribuídos de maneira igualitária entre homens e mulheres, de acordo com o Livro de Regras da CBSurf. Os primeiros colocados tanto no masculino, quanto no feminino, levam R$ 30.000,00 (trinta mil reais) cada. O restante da premiação será distribuída entre os atletas melhores colocados, de acordo com o Livro de Regras da CBSurf, da seguinte forma:

MASCULINO
1º R$ 30.000
2º R$15.000
3º R$ 11.000 (x2)
5º R$ 7.000 (x4)
9º R$ 5.000 (x8)
17º R$ 3.125 (x8)

FEMININO
1ª R$ 30.000
2ª R$ 15.000
3ª R$ 11.000 (x2)
5ª R$ 7.000 (x4)
9ª R$ 5.000 (x4)

MONEY TURN

Com a chegada do Round 5 no Masculino também chegamos à fase do Money Turn, mais conhecida como a fase do dinheiro. Daqui pra frente todos os competidores receberão uma fatia da premiação. Mas, isso não quer dizer que as disputas ficarão menos eletrizantes, pois, quem perde no 5º Round recebe apenas R$ 3.125 (três mil, cento e vinte cindo reais), enquanto quem vencer o evento vai embolsar R$ 30.000 (trinta mil reais), quase dez vezes mais. Então, se a briga até aqui era chegar à fase da grana, agora a luta será pelas maiores fatias, isto é, agora ninguém mais está de olho na fase seguinte, a motivação agora é o valor que ele ganha se vencer a bateria. Até porque a partir do Round 6 se inicia a fase homem x homem e daí em diante apenas a vitória importa.

Entre as mulheres a fase do Money Turn já começa no Round 3. Para elas o caminho é um pouco mais curto. Mas, nem por isso, menos acirrado, já que dessa fase em diante as disputas passam a ser mulher x mulher e assim como no masculino, vencer passa a ser a única opção.

DE OLHO DO DREAM TOUR 2023

Mas, a motivação para que cada competidor dê o máximo de si não está atrelada apenas à premiação. As disputas pelas cobiçadas vagas para o Dream Tour de 2023 deverão adicionar doses extras de emoção às baterias, já que o circuito será composto no masculino por 64 surfistas, com 50 deles vindos do CBSurf Pro 1ª Divisão, outros 12 egressos do Circuito Taça Brasil e mais dois convidados, e 24 surfistas entre as mulheres, tendo direito a vaga as Top 16 da 1ª Divisão 2022, as sete melhores da Taça Brasil e mais uma convidada. Então, a tendência é que à medida que o evento avance os duelos fiquem cada vez mais acirrados e eletrizantes!

WORKSHOP SOBRE O TEMA JULGAMENTO

Completando o ciclo de palestras a CBSurf irá promover hoje uma palestra sobre Arbitragem com Jordão Bailo Jr. abordando temas como critério de julgamento, avaliação, comparação e demais assuntos relevantes, não somente para a reciclagem de árbitros, como também para promover um maior entendimento por parte dos atletas do complexo processo envolvido na avaliação em julgamentos.

O Workshop acontecerá na Escola Alba Herculano, situada à R. Capitão Inácio Prata, S/N, Taíba-São Gonçalo do Amarante, no dia 16 de dezembro a partir das 18h. A entrada é franca e qualquer pessoa pode participar.

TRANSMISSÃO AO VIVO

Você pode conferir tudo o que rola no MARESIA CBSurf Pro Taíba, Ao Vivo, através do Canal do You Tube CBSurfPlay. Para resultados, cronogramas, estatísticas, notícias atualizadas e ainda mais detalhes acesse: www.cbsurf.org.br

O MARESIA CBSurf Pro Taíba conta com o patrocínio de MARESIA, Prefeitura De São Gonçalo do Amarante, Dream Factory e DHL.

Apoio: PAS na Taíba, Mahalo Poker, Sunset Beach Hotel, Pousada Arco Mundial, Pousada Roane, Pousada da Taiba, Orbe Telecom, Surfland Brasil, Açaí do Joca Jr, Fu-Wax, Silverbay e Pizzaria Il Terrazo.

Realiazação: Cbsurf e Federação de Surf do Estado do Ceará.

DICAS DE HOSPEDAGEM

Sunset Beach…………..85 981720511
Arco Mundial………….85 988155303
Pousada Da Taíba…….85 987707520
Pousada Roane………..85 999821704
Pousada Doromari……85 33156185

Maiores Informações: 85 999868538 – Amélio Jr.

SOBRE A TAÍBA

A palavra Taíba vem do Tupi-Guarani e significa Pequena Aldeia. Mas, para os surfistas, Taíba significa excelentes ondas emolduradas por um visual idílico! Essa praia fica localizada a cerca de 70km da Capital Cearense e reúne alguns dos principais spots do surfe de todo o litoral cearense. Por receber boas ondulações vindas dos quadrantes Norte, Nordeste e N/NE, a praia é muito procurada por praticantes do surfe nas baixas temporadas de ventos e ondas em praticamente todo o Brasil.

Entre os meses de dezembro a maio ocorrem os melhores swells e consequentemente, as melhores ondulações quebram em suas mais variadas praias, como Pesqueira, Morro do Chapéu e Taibinha. Esta última, reconhecida como uma das mais belas praias do Brasil, será grande palco para o show dos melhores surfistas do Brasil no MARESIA CBSurf Pro Taíba 2022.

CASA DO P.A.S.: Projeto de Apoio ao Surfista / Responsabilidade Social e Ambiental

A Casa do P.A.S. há 6 anos vem trabalhando e apoiando o surf cearense aqui na Praia da Taíba. Referência como verdadeiro Surf Camp nesse paraíso, atualmente o Instituto PAS é um projeto consolidado, com toda documentação legalizada e que promove atividades sociais com surf, alimentação, reforço escolar, aulas de inglês e artes, em atividades extracurriculares, para as crianças da Taíba. Todos os dias da semana todas as crianças assistidas pelo projeto têm acesso a equipamentos de surf, frutas, água, banho, internet e o principal q é nossa atenção e compromisso com o crescimento e o desenvolvimento delas e de nossa comunidade.

Oferecemos também serviços como Camping, Escola de Surf Social e Aberta ao Público, Restaurante e lanchonete, açaiteria e sorveteria, além de outras coisas, como Lojinha de Artesanato, Souvenirs, Surf Shop, Tabacaria e Bomboniere. Tudo pensado para dar toda a assistência que qualquer surfista precise para ter uma experiência completa no paraíso.

E ainda somo o único lugar da Taíba que funciona todos os dias do café da manhã ao almoço, e aos finais de semana, até a noite!

Se você ainda não conhece, o que está esperando? Venha você também ter uma experiência completa no surf e desfrutar do melhor que esse esporte tem a oferecer.

Venha conhecer a Casa do P.A.S. Você é nosso convidado, seja surfista ou apenas um amante do esporte dos reis havaianos.

George Noronha
JP-MTb.: 2808/Ce

Sede: Avenida das Américas, 3434, Bloco 02, sala 408, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro/RJ – CEP: 22640-102

Subsede: Rodovia Jornalista Manoel de Menezes, 2001, Praia Mole, Florianópolis/SC – CEP: 88.0061-700

Atendimento: de Segunda à Sexta das 09h às 17h  |  Fone: (48) 99971 9599

logo_cbs-99

©2022. Confederação Brasileira de Surf