EVENTO SEGUE ATÉ QUINTA-FEIRA NA PRAIA GRANDE, COM 144 SURFISTAS DE 12 ESTADOS

Com previsão de boas ondas, o Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020 começa nesta terça-feira (27), na Praia Grande, em Ubatuba. A categoria feminina abre as disputas e deve definir a vencedora logo no primeiro dia. A cearense Silvana Lima, que está classificada para competir na estreia do surf nos Jogos Olímpicos de Tóquio, no próximo ano, é a grande atração.

A primeira bateria está programada para entrar no mar às 8 horas e a finalíssima, às 13h55, mas a organização ressalta que o cronograma pode sofrer alterações diante das condições do mar. Com patrocínios de Silverbay e de The Surf Club SCCP, a etapa marca a retomada das competições oficiais, reunindo 144 surfistas de 12 estados, 32 no feminino e 112 no masculino, com R$ 80 mil de premiação, divididos igualmente entre as duas categorias, sendo R$ 12 mil aos vencedores.

No total, serão três dias de disputas, com as baterias transmitidas ao vivo pelo site da Federação Paulista de Surf, o www.fpsurf.com.br. Durante o evento, os atletas deverão seguir, rigorosamente, os protocolos de segurança divulgados antes do ato de inscrição, como a obrigatoriedade do uso de máscaras e o distanciamento social nas áreas próximas ao palanque, sob pena de desclassificação, em caso de não cumprimento das medidas definidas.

“Para Ubatuba, que tem total identidade com o surf, é uma honra receber a retomada do CBSurf Pro Tour. Estamos tomando todos os cuidados possíveis, com protocolos de segurança para atletas e participantes do evento e esperamos que a etapa seja, novamente, um grande sucesso”, diz o secretário de esportes de Ubatuba, Alberto Jacob, lembrando que a etapa será realizada na mesma praia onde foi inaugurada, recentemente, a segunda sede da escolinha municipal de surf.

SUSTENTABILIDADE – A etapa também será marcada pela valorização às ações em prol da sustentabilidade e respeito ao meio ambiente, com as camisas de competição – usadas para identificar os atletas no mar – feitas com tecido desenvolvido a partir da reciclagem de garrafas pet, que são reduzidas a fios para a produção do tecido. A iniciativa é da Silverbay, em parceria com a Coltex, com o objetivo de minimizar o impacto ambiental gerado por seus produtos, usando matérias primas mais conscientes para o planeta.

IAN GOUVEIA – Além de Silvana, o evento contará com outras estrelas brasileiras que já figuraram no Championship Tour (CT). Entre eles, Ian Gouveia, filho do ícone Fábio Gouveia, que pretende aproveitar a folga no calendário do Circuito Mundial para se dedicar ao título do CBSurf Pro Tour.

“Estou feliz de ter a oportunidade de competir de novo, desde o começo da pandemia. É o primeiro evento válido como competição e, com certeza, penso em título. Nunca disputei o título brasileiro, porque sempre estava me dedicando ao mundial e vai ser muito bom focar aqui no Brasil”, fala Ian.

Crédito: Daniel Smorigo

O Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020 tem os patrocínios de Silverbay e de The Surf Club SCCP, com apoios de ST Blanks, Super Tubes, KYW, Surf Trip, Surf/Skate Magazine e Departamento de Esportes Radicais do Corinthians. Colaboração da Prefeitura de Ubatuba, através da Secretaria Municipal de Esportes. Realização: Federação Paulista de Surf, Associação Ubatuba de Surf (AUS) e Confederação Brasileira de Surf.

CRONOGRAMA E BATERIAS DO EVENTO:

Obs: Cronograma sujeito a alterações, de acordo com as condições do mar.

Com mais de 30 anos atuando na organização de campeonatos, o santista Marcos Bukão foi o escolhido para ser o diretor do campeonato de surf na estreia da modalidade nos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2021. Ele também é o diretor de prova da CBSurf desde a década de 90.

O programa Série ao Fundo entrevistou Bukão.

Ele fala sobre quais são as vagas ainda em aberto e explica detalhadamente como funciona o complexo formato de classificação. Ele também garante que vai ter onda na data do campeonato, mesmo que não seja aquele mar clássico.

Vale a pena assistir:

Mais um grande nome que já representou o Brasil na elite do surf mundial é destaque confirmado no Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour, em Ubatuba, litoral paulista. Wiggolly Dantas compete “em casa” e mostra animação na retomada dos campeonatos oficiais no País. As disputas estão confirmadas de terça-feira a quinta-feira (27 a 29), na Praia Grande, reunindo 144 surfistas, de 12 estados, e R$ 80 mil de premiação.

Guigui, como é bem conhecido, está feliz em competir em sua cidade. “A expectativa é muito boa em colocar novamente a lycra de competição, ainda mais no quintal de casa. Estou bem focado, treinando bastante, me preparando para ir para o Havaí, e estou amarradão de ter um evento grande aqui”, diz o atleta.

No início deste ano Wiggolly Dantas vinha num ritmo fantástico. Venceu o Volcom Pipe Pro, nas emblemáticas ondas de Pipeline, no Havaí, e depois foi semifinalista no Hang Loose Pro Contest, em Fernando de Noronha, abrindo caminho para o seu retorno ao Championship Tour (CT). Mas veio a pandemia do Coronavírus e tudo parou.

Agora, com o retorno das disputas, ele espera recuperar seu bom momento. Já mostrou isso com a vitória no Surf Treino Itamambuca, que sua família realizou para movimentar os atletas em setembro. “Vai ser um campeonato de alto nível, muita gente boa”, elogia Guigui, lembrando que a família também estará bem representada com seus irmão, Wesley Dantas, que já foi campeão mundial júnior, pela International Surfing Association (ISA), e Suelen Naraísa, sem dúvida, uma das mais experientes na categoria feminina.

Crédito: Daniel Smorigo

Vale lembrar que Wiggolly tem uma longa história com a Confederação Brasileira de Surf, com três títulos nacionais em sua trajetória como amador. Foi campeão sub14 em 2003, depois sub16 em 2005 e open no ano seguinte. Na elite mundial, o surfista de 30 anos competiu de 2015 a 2017, com os dois importantes resultados, ocupava a sexta posição, o melhor brasileiro, provisoriamente classificado para retornar ao Championship Tour (CT).

Os deverão seguir, rigorosamente, os protocolos de segurança divulgados antes do ato de inscrição, como a obrigatoriedade do uso de máscaras e o distanciamento social nas áreas próximas ao palanque, sob pena de desclassificação do evento, em caso de não cumprimento das medidas definidas.

As baterias estão disponíveis no link cbsurf.org.br/baterias-e-cronograma-do-cbsurf-pro-tour-em-ubatuba/. Todas as disputas serão transmitidas ao vivo pelo site da Federação Paulista de Surf, o www.fpsurf.com.br, com imagens das ondas surfadas, notas dos juízes e a mesma locução que os atletas estarão ouvindo. Há, ainda, a possibilidade de interação com o evento, por mensagens de texto.

O Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020 tem os patrocínios de Silverbay e de The Surf Club SCCP, com apoios de ST Blanks, Super Tubes, KYW, Surf Trip, Surf/Skate Magazine e Departamento de Esportes Radicais do Corinthians. Colaboração da Prefeitura de Ubatuba, através da Secretaria Municipal de Esportes. Realização: Federação Paulista de Surf, Associação Ubatuba de Surf (AUS) e Confederação Brasileira de Surf.

O cearense Artur Silva tem boas lembranças da Praia Grande, em Ubatuba, no litoral norte de SP. Foi ali que ele garantiu o título de campeão brasileiro de surf profissional no ano passado. Agora, o atleta volta ao mesmo “palco” para iniciar a disputa pelo bicampeonato, no Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020, que marca a retomada das competições, de terça-feira a quinta-feira (27 a 29).

Se no ano passado ele foi obrigado a “sofrer” na areia, torcendo por uma combinação de resultados, para poder comemorar, desta vez ele quer uma vitória no mar. “As expectativas são as melhores, estou treinando diariamente, me sinto bem à vontade em Ubatuba, um lugar onde tenho vários amigos e excelentes memórias. No mês passado, fui treinar lá e peguei altas ondas. Fiz uma excelente preparação”, destaca o atleta de 31 anos.

SEGURANÇA – Com os patrocínios de Silverbay e de The Surf Club SCCP, o Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020 será disputado em dias de semana, para evitar aglomerações no local, devido à pandemia do Covid-19. A organização informa que os participantes deverão seguir, rigorosamente, os protocolos de segurança divulgados antes do ato de inscrição, como a obrigatoriedade do uso de máscaras e o distanciamento social nas áreas próximas ao palanque, sob pena de desclassificação do evento, em caso de não cumprimento das medidas definidas.

Crédito: Israel Rodrigues

Estarão em ação as categorias masculina e feminina, somando 144 surfistas, de 12 estados, com uma premiação de R$ 80 mil, dividida igualmente entre os dois gêneros. As baterias estão disponíveis no link cbsurf.org.br/baterias-e-cronograma-do-cbsurf-pro-tour-em-ubatuba/. Todas as disputas serão transmitidas ao vivo pelo site da Federação Paulista de Surf, o www.fpsurf.com.br, com imagens das ondas surfadas, notas dos juízes e a mesma locução que os atletas estarão ouvindo. Há, ainda, a possibilidade de interação com o evento, por mensagens de texto.

O Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020 tem os patrocínios de Silverbay e de The Surf Club SCCP, com apoios de ST Blanks, Super Tubes, KYW, Surf Trip, Surf/Skate Magazine e Departamento de Esportes Radicais do Corinthians. Colaboração da Prefeitura de Ubatuba, através da Secretaria Municipal de Esportes. Realização: Federação Paulista de Surf, Associação Ubatuba de Surf (AUS) e Confederação Brasileira de Surf.

Classificada para os Jogos Olímpicos de Tóquio, duas vezes vice-campeã mundial de surf e medalha prata na última edição do ISA World Surfing Games, no Japão, a cearense Silvana Lima é a grande atração do Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020. A competição confirmada para os próximos dias 27 a 29, na Praia Grande, em Ubatuba, litoral norte de SP, marca o retorno das disputas oficiais e a atleta de Paracuru comemora a oportunidade de competir novamente.

Sem disputas no Mundial até o final do ano, ela já adianta que o objetivo será o CBSurf Pro Tour. “Quem bom que o Brasileiro está voltando. Uma coisa que gosto é competir. Ubatuba é demais, a energia é incrível. Nunca competi na Praia Grande, mas todo mundo fala que dá altas ondas e estou super animada’, afirma. “É bom sentir aquela adrenalina, o friozinho na barriga, rever as meninas, compartilhar um pouco de profissionalismo”, reforça.

A categoria feminina está programada para competir logo no primeiro dia da etapa, na terça-feira, e Silvana terá uma semana agitada. Na quinta-feira, ela completa 36 anos e participará da homenagem em sua terra natal. “O Dia Municipal do Surf é no dia do meu aniversário. Ano passado foi a primeira vez. Estou muito feliz por ser homenageada na minha Cidade. Vai ser incrível”, reconhece.

Para ela, as disputas do CBSurf Pro Tour também servirão como treinamento para a sua participação nos Jogos Olímpicos de Tóquio, no próximo ano. “A preparação tem de ser todos os dias, só pensando na parte positiva para trazer uma medalha para o Brasil. Durante a pandemia está bem complicado, porque não pode viajar muito, mas estou fazendo a minha preparação física na Casa Coluna, que é incrível e estou vendo a evolução dentro e fora d’água. Fico muito feliz. E tem também o apoio do COB (Comitê Olímpico do Brasil), que faz a diferença”, conta.

Silvana estreia na competição ainda no round 1, na quarta bateria, enfrentando dois talentos locais, Açucena Vaz e Luana Coutinho e a catarinense Nathalie Plachi. A cearense Larissa dos Santos, campeã da edição de estreia do CBSurf Pro Tour, em 2018, e a paulista Júlia Santos, atual dona do título do Circuito, também estão confirmadas e escaladas na mesma bateria no segundo round. Sophia Medina, irmã do bicampeão mundial Gabriel Medina e campeã brasileira sub16, é outro talento confirmado.

O Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020 terá a participação de 144 surfistas, 32 na feminina, com uma premiação de R$ 80 mil, dividida igualmente entre as duas categorias. Os dois vencedores levam para casa R$ 12 mil cada um. As baterias estão disponíveis no link cbsurf.org.br/baterias-e-cronograma-do-cbsurf-pro-tour-em-ubatuba/.

Diante da pandemia do Covid-19, o evento contará com um protocolo de segurança, desenvolvido pela Federação Paulista de Surf, em conjunto com a CBSurf e aprovado pelo Comitê de Crise do Coronavírus da Prefeitura. Entre as medidas está a realização da competição em dias de semana, evitando assim possíveis aglomerações na praia.

O Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020 tem os patrocínios de Silverbay e de The Surf Club SCCP, com apoios de ST Blanks, Super Tubes, KYW, Surf Trip, Surf/Skate Magazine e Departamento de Esportes Radicais do Corinthians. Colaboração da Prefeitura de Ubatuba, através da Secretaria Municipal de Esportes. Realização: Federação Paulista de Surf, Associação Ubatuba de Surf (AUS) e Confederação Brasileira de Surf.

O compromisso com a governança e o comprometimento em fazer uma gestão profissional estão gerando resultados positivos para a Confederação Brasileira de Surf (CBSurf). O relatório do Comitê Olímpico do Brasil (COB), divulgado nesta segunda-feira (19), aponta a CBSurf na primeira colocação no ranking de prestação de contas entre todas as confederações.

Um parâmetro sério, importante, onde são verificados e apurados a liberação de adiantamentos, os recursos para projetos, as prestações de contas finalizadas, com a compatibilidade das despesas e conformidade dos valores, e por fim, os projetos que tiveram “problemas”, com saneamento e ressaneamento ou atraso de entrega de documentações.

“Ou seja, não tivemos nenhum projeto em atraso, ou com problemas nas prestações”, afirmou o presidente da CBSurf, Adalvo Argolo, ressaltando que a entidade está em conformidade com todos os itens, alcançando a liderança nessa importante avaliação.

“Quando melhor o ranking de prestação de contas, melhor é a visão do COB em relação à maturidade da Confederação, à gestão financeira e à utilização de recursos, aumentando, assim, a possibilidade de pleitearmos novos ou mais recursos para o futuro, sempre visando a implementação do nosso esporte em todo o País”, disse.

Ele explica que esse é um dos critérios de análise de gestão das confederações, utilizados pelo COB, descrito em sua Política de Descentralização de Recursos (PDR – item 4.2.21 – XI), para liberação de recursos ordinários por meritocracia. “O ranking também é um indicativo para verbas privadas, sempre pensando na evolução do esporte como um todo e significando que a nossa gestão é feita de forma correta”, explicou.

“Este resultado é consequência do nível de profissionalismo em nossa gestão, com uma equipe bem preparada, sempre atenta e comprometida em colaborar para o crescimento do surf”, completou Adalvo.

Baterias e cronograma do Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020

Dias 27 a 29 de outubro, na Praia Grande, em Ubatuba

A CBSURF E A FEDERAÇÃO PAULISTA DE SURF INFORMAM QUE SURFISTAS QUE NÃO TIVERAM SEU PAGAMENTO CONFIRMADO NO SISTEMA TERÃO SEU NOME REMOVIDO E O PRÓXIMO DA LISTA SERÁ COMUNICADO.

O CRONOGRAMA É APENAS UMA REFERÊNCIA E PODERÁ SER ALTERADO DE ACORDO COM AS CONDIÇÕES DO MAR.

TODO SURFISTA DEVERÁ ESTAR DISPONÍVEL PARA COMPETIR AS 08H00 DE TERÇA FEIRA, DIA 27.

ATENÇÃO: OBRIGATÓRIO O USO DE MÁSCARAS NA PRAIA.

O Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020 tem os patrocínios de Silverbay e The Surf Club SCCP, com apoios de ST Blanks, Super Tubes, KYW, Surf Trip e Departamento de Esportes Radicais do Corinthians. Divulgação de FMA Notícias e Surf/Skate Magazine, com colaboração da Prefeitura de Ubatuba, através da Secretaria Municipal de Esportes. Realização da Federação Paulista de Surf, Associação Ubatuba de Surf (AUS) e Confederação Brasileira de Surf.

O surf brasileiro ocupa um lugar de destaque no cenário mundial e esses resultados foram reconhecidos pelo Programa Bolsa Pódio, categoria mais alta do programa Bolsa Atleta, do Ministério da Cidadania. Na portaria Nº 505, publicada no Diário Oficial da União, 274 atletas foram contemplados com o benefício, entre eles, cinco dos seis surfistas que representaram o Brasil no último ISA World Surfing Games, no Japão.

Todos tiveram os planos esportivos aprovados pelo grupo de trabalho responsável pela análise, incluindo a Confederação Brasileira de Surf (CBSurf), que indica os atletas. O Bolsa Pódio é um programa desenvolvido por um grupo de trabalho composto pela Secretaria Especial de Esportes, o Comitê Olímpico do Brasil (COB) e a Confederação do esporte em questão.

Este grupo de trabalho é responsável pela aprovação dos atletas indicados ao programa e pela avaliação dos planos esportivos apresentados pelos atletas indicados, cabendo às confederações indicar e apresentar os atletas, mostrando seus históricos.

O presidente da CBSurf, Adalvo Argolo, comemora os cinco atletas do surf na lista dos 274 beneficiados. “Também teremos o Bolsa Atleta, que vai contemplar os atletas profissionais, as categorias de base já recebem o benefício. Nossa meta é colaborar ao máximo para que nossos atletas recebam a melhor estrutura possível, com todo o apoio que temos do COB e da Secretaria Especial do Esporte, do Ministério da Cidadania”, fala Adalvo.

Segundo o coordenador-geral do Bolsa Atleta, Mosiah Rodrigues, a análise dos planos esportivos que resultou na lista dos 274 contemplados não é atribuição exclusiva do Ministério da Cidadania. “Trata-se de um trabalho desenvolvido em conjunto com o Comitê Olímpico do Brasil (COB), o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e as confederações. Todas essas entidades participaram do processo que resultou na lista”, explica Mosiah Rodrigues. 

“O Governo Federal tem trabalhado para que nossos atletas não fiquem desamparados neste ano tão complicado para todos em função da pandemia”, destaca o secretário Especial do Esporte do Ministério da Cidadania, Marcelo Magalhães. “Com o adiamento dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio para 2021 e com o calendário de competições bastante reduzido neste ano, a manutenção da Bolsa Pódio tornou-se ainda mais fundamental para nossos atletas do altíssimo rendimento”, complementa.

O secretário nacional de Esporte de Alto Rendimento da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania, Bruno Souza, ressaltou que os atletas beneficiados representam a elite do esporte no momento e por isso foram contemplados. “Tenho certeza de que esse recurso será muito importante para que eles possam seguir treinando e se preparando da melhor maneira possível para defender o Brasil nos Jogos de Tóquio”, completa. 

Portaria Nº 505, no Diário Oficial da União:

https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/portaria-n-505-de-9-de-outubro-de-2020-282460957

Com poucas vagas restando, as inscrições para o Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020 seguem abertas até sexta-feira (17), mas podem ser encerradas antes, se alcançarem o limite de 96 atletas na categoria masculina e 32 na feminina. A etapa que marca a retomada das competições oficiais da Confederação Brasileira de Surf (CBSurf) está confirmada para os dias 27 a 29 deste mês, na Praia Grande, em Ubatuba.

As inscrições devem ser feitas exclusivamente pela internet, no novo sistema de gestão esportiva, da CBSurf. Para garantir a vaga, o atleta, obrigatoriamente, precisa se cadastrar pelo link https://cbsurf.bigmidia.com/cadastroExterno/atleta e depois fazer seu login em https://cbsurf.bigmidia.com/, para se inscrever, acessando Campeonatos/Inscrição. Mais detalhes no link https://cbsurf.org.br/etapa-de-abertura-do-cbsurf-pro-tour-2020/.

Os vencedores – tanto da categoria masculina quanto da feminina – garantirão R$ 12 mil de premiação, de um total de R$ 80 mil, divididos igualmente entre os dois gêneros. Nomes conhecidos já estão confirmados como o talento local Wiggolly Dantas, o catarinense Alejo Muniz e o pernambucano radicado em SP, Ian Gouveia, os três ex-integrantes da elite mundial, além do atual campeão brasileiro, Artur Silva, do Ceará. Também de Ubatuba, o campeão mundial júnior, Weslley Dantas, irmão caçula de Wiggolly, é mais um destaque.

Diante da pandemia do Covid-19, o evento contará com um protocolo de segurança, desenvolvido pela Federação Paulista de Surf, em conjunto com a CBSurf e aprovado pelo Comitê de Crise do Coronavírus da Prefeitura. Entre as medidas está a realização da competição em dias de semana, evitando assim possíveis aglomerações na praia.

O Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020 tem os patrocínios de Silverbay e The Surf Club SCCP, com apoios de ST Blanks, Super Tubes, KYW, Surf Trip e Departamento de Esportes Radicais do Corinthians. Divulgação de FMA Notícias e Surf/Skate Magazine, com colaboração da Prefeitura de Ubatuba, através da Secretaria Municipal de Esportes. Realização da Federação Paulista de Surf, Associação Ubatuba de Surf (AUS) e Confederação Brasileira de Surf.

Os vencedores – tanto da categoria masculina quanto da feminina – receberão R$ 12 mil de premiação no Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020. A etapa inicial do Circuito Brasileiro de Surf Profissional será realizada nos próximos dias 27, 28 e 29, na Praia Grande, em Ubatuba, litoral norte de SP, oferecendo um total de R$ 80 mil, divididos igualmente entre os dois gêneros.

“Nosso objetivo é, cada vez mais, valorizar os nossos atletas, oferecer uma premiação atrativa. Temos feito gestões junto ao Comitê Olímpico do Brasil (COB). Desde que o surf se tornou olímpico, não só criamos uma relação institucional com o Paulo (Wanderley e o Marco La Porta (presidente e vice da entidade) como fortalecemos a relação de amizade, garantindo uma aproximação ainda maior do surf, um dos esportes novos na comunidade olímpica”, afirma o presidente da CBSurf, Adalvo Argolo.

As inscrições já estão abertas e devem ser feitas exclusivamente pela internet, no novo sistema de gestão esportiva, da Confederação Brasileira de Surf. Para garantir a vaga, o atleta, obrigatoriamente, precisa se cadastrar pelo link https://cbsurf.bigmidia.com/cadastroExterno/atleta e depois fazer seu login em https://cbsurf.bigmidia.com/, para se inscrever, acessando Campeonatos/Inscrição. Em caso de dúvidas como se cadastrar, há vídeos tutoriais https://youtu.be/faPRlZD6JtU e https://youtu.be/oze6n5YMhEo.

“Esse sistema, que significa modernidade, integração, valorização do atleta, foi desenvolvido para fortalecer ainda mais a nossa relação com nosso público direto. Através dele poderemos mapear e colaborar de forma assertiva várias ações em prol do surf”, destaca Adalvo.

A taxa é de R$ 300,00 até o dia 16. A única maneira oficial das inscrições serem recebidas e aceitas será pelo novo sistema de gestão esportiva da CBSurf.

O número de vagas será limitado em 96 atletas no masculino e 32 no feminino para o evento de três dias. Não existe prioridade nas inscrições, que serão preenchidas de acordo com o pagamento das taxas, informa a direção técnica do evento, lembrando que as inscrições podem ser encerradas antes, caso o limite de atletas seja atingido.

A organização reforça que qualquer outra forma de tentativa de inscrição, incluindo os e-mails de organizadores, patrocinadores, federação local e da própria CBS não será válida. Solicitação por telefone, WhatsApp, Messenger ou qualquer mídia social também não será considerada.

Com patrocínios da Silverbay e The Surf Club SCCP, apoio da Prefeitura de Ubatuba, através da Secretaria Municipal de Esportes, o Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour marca o retorno do calendário oficial, sem a presença de público e respeitando todas as orientações necessárias para esse momento. Diante disso, a etapa será realizada em dias de semana, evitando aglomerações na praia e contará com um protocolo de segurança desenvolvido pela Federação Paulista de Surf, em conjunto com a CBSurf e aprovado pelo Comitê de Crise do Coronavírus da Prefeitura.

O Surf Trip apresenta CBSurf Pro Tour 2020 tem os patrocínios de Silverbay e The Surf Club SCCP, com apoios de ST Blanks, Super Tubes, KYW, Surf Trip e Departamento de Esportes Radicais do Corinthians. Divulgação de FMA Notícias e Surf/Skate Magazine, com colaboração da Prefeitura de Ubatuba, através da Secretaria Municipal de Esportes. Realização da Federação Paulista de Surf, Associação Ubatuba de Surf (AUS) e Confederação Brasileira de Surf.

PREMIAÇÃO DA ETAPA (MASCULINO E FEMININO)

1 – R$ 12.000,00                              

2 – R$ 6.000,00                       

3 – R$ 4.000,00                                    

4 – R$ 3.000,00                                    

5 – R$ 2.000,00 (X2)                 

7 – R$ 1.400,00 (X2)                 

9 – R$ 1.200,00 (X4)

13 – R$ 850,00 (X4)